Ativo Vinho de Kefir

Nova alternativa de ativo vinho de kefir para skincare

Química Vivian Borges, pós graduada em Cosmetologia - Palestra sobre ativo




ÁREA COMERCIAL

01

Será imperativo que as marcas tenham uma personalidade genuína, uma perspectiva que comunique claramente seus posicionamentos e iniciativas.
O ativo contém posicionamento ético em questões socioambientais, por se tratar de um ativo natural, não agride a natureza.

Muito em voga o conceito do menos é mais, é a oportunidade de fugir desse padrão de beleza plástica, e surgindo assim, um respeito à individualidade. O que te faz diferente é o que te faz único.

Recentemente a Mintel ( Serviço de Pesquisa Premium para a indústria cosmética ) publicou uma reportagem sobre as principais tendências na cosmetologia que serão emergentes até o ano de 2025 e uma dessas tendências é a incorporação de ativos alimenticíos nos produtos de cosméticos.

02

Os Milennials representarão 75% da força de trabalho nos próximos 10 anos. Questões éticas e ambientais estarão no primeiro plano para os milennials ( nascidos entre 1980 e 1990 ) e a geração Z ( nascidos entre 1990 a 2010 ).
No Brasil segundo o IBGE são 58,7 milhões de pessoas entre 18 e 34 anos, em síntese essas pessoas pesquisam antes de finalizar uma compra e os mesmos dão preferencia a produtos alinhados aos seus valores, querem saber o que estão consumindo e compram posicionamento éticos das marcas em questões que estejam de certo modo mais sustentáveis ao meio ambiente, isso já é uma realidade.
O ativo é muito versátil, podendo ser utilizado em diversos tipos de produtos, especialmente em produtos antiaging, acne, enxaguante bucais, devido a sua eficácia em cicatrização cutânea. Podendo também, usar em conjunto a dietética qualitativa.

03

Os consumidores de skincare fazem uma ligação direta entre estilo de vida e condição de pele, sendo que 72% deles dizem que querem deixar a pele mais bonita, nomeando adjetivos para isso, dormir bem 74%, se exercitar 49%, e ter uma dieta balanceada 46%.

Nesse sentido, o estudo mostra que os consumidores estão cada vez mais dispostos a investir em produtos que o ajudem. Pensar em ingredientes calmantes e relaxantes e em usos que estimulem e potencializem esses efeitos, como produtos antes de deitar, com sensorial e gestual agradável, usando a eficiência, a inovação.

As marcas de produtos de cuidados pessoais que começarem a se alinhar mais com tendências de saúde e estilo de vida estará na frente. A busca por uma aparência mais saudável, oferecer esse benefício é o que os consumidores desejam.

Sustentabilidade, cruelty free

TOP